retorna
  :: Artigo selecionado
  ANÁLISE DO POTENCIAL CITOTÓXICO E MUTAGÊNICO DE DIFERENTES CONCENTRAÇÕES DE CÁDMIO II E CROMO IV
12/04/2010
uso dos metais pesados na mutações citogenéticas.

Área(s) de Atuação que o Presente Artigo trata
Biologia
Saúde Pública
Ecotoxicologia


Introdução: Diversos estudos têm apontado os metais pesados como grandes causadores de danos aos organismos (em especial danos ao DNA), e consequentemente aos ecossistemas, mas ainda são necessários estudos sobre as concentrações em que cada metal produz tais prejuízos. Objetivo: Analisar o potencial citotóxico e mutagênico de diferentes concentrações de Cádmio II (Sulfato de Cádmio) e Cromo IV (Dicromato de Potássio) através de ensaio com sementes de cebola (Allium cepa L., Alliaceae). Metodologia: Foram utilizados para a germinação das sementes 10 ml de solução com diferentes concentrações de Cádmio II e Cromo IV (0,1; 1,0; 10,0; 100,0; 1000,0 ppm) e água de poço artesiano esterilizada como controle. Para cada solução foram incubadas 100 sementes de A. cepa em placas de Petri, dispostas em estufa com fotoperíodo de 12 h de luz e temperatura de 20-25°C para a germinação, por 96 horas. Após a germinação, as amostras foram fixadas em solução metanol : ácido acético, e armazenadas em refrigerador. Contabilizou-se a quantidade de sementes germinadas por tratamento e as raízes emitidas foram medidas e seus ápices corados em Orceína Acética 2%.  Através da visualização de lâminas em M.O., foram analisadas 100 mitoses por tratamento. Contabilizou-se a quantidade de anomalias na mitose (pontes, anáfases multipolares, cromossomos dispersos, etc.), sendo as mesmas fotografadas e as lâminas analisadas guardadas como testemunho. Para cada tratamento estão previstas três repetições. Resultados: Considerando resultados preliminares, das sementes de A. cepa que germinaram nas diferentes concentrações de Cromo IV e Cádmio II não foi observada uma relação direta entre concentração dos metais e inibição ou potencialização da germinação, embora os valores de germinação no controle tenham sido significativamente maiores do que nas soluções contendo metais. Porém, no que diz respeito ao comprimento radicular, observou-se que quanto maior a concentração dos metais, menor o comprimento médio das raízes. Conclusão: Observou-se que os metais Cádmio II e Cromo IV interferem negativamente no crescimento das raízes de A. cepa, considerando as concentrações em que as mesmas foram submetidas. O estudo ainda se encontra em andamento, iniciando-se agora a análise dos dados quanto ao potencial mutagênico das concentrações.

RAMBO, C. L.; RAIMUNDI, E.A.; ANTONELO, L.; FRANCO, R.M.; RAMOS, F.C.; DAL MAGRO, J.; ESSI, L.

 Universidade Comunitária da Região de Chapecó - UNOCHAPECÓ.


Indique este Artigo enviando o Link:
http://www.crbiodigital.com.br/portal?txt=32773335


 retorna

 

  :: Pesquisa Artigos
contenha a palavra 
Regional 
Nome do(a) Biólogo(a) 


pesquisar



Copyright 2007  -   contatocrbiodigital@crbiodigital.com.br  -   privacidade