retorna
  :: Notícia selecionada
09/01/2011  Resíduos Sólidos
PRISCILA FACHINI
SC - RIO DO SUL

Os resíduos sólidos são resultantes das atividades diárias do ser humano na sociedade, em nossa casa, nosso trabalho, onde o ser humano tem sido seu principal gerador. Ao final do século XIX, com a Revolução Industrial, o consumismo acelerou de forma desenfreada, além de poluir o ar, o solo e a água, esses resíduos contribuem no processo de escassez dos recursos naturais, ou seja, seu destino final ainda pode ser considerado como um problema de saúde pública e sanitária.

O colapso do saneamento ambiental no Brasil chegou a níveis insuportáveis. A falta de água potável e de esgotamento sanitário é responsável, hoje, por 80% das doenças e 65% das internações hospitalares. Além disso, 90% dos esgotos domésticos e industriais são despejados sem qualquer tratamento nos mananciais de água. Os lixões, muitos deles situados às margens de rios e lagoas, são outro foco de problemas.

Algumas mudanças ao longo dos anos surgiram como uma forma de minimizar os impactos que esses resíduos possam causar. Dentre algumas atualizações da legislação, temos:

• Lei 12.305, de 02 de agosto de 2010, que Institui a política Nacional dos Resíduos Sólidos;
• Lei Estadual Catarinense  15.112, de 19 de janeiro de 2010, que dispõe sobre a proibição de despejo de resíduos sólidos reaproveitáveis e recicláveis em lixões e aterros sanitários.

PRISCILA FACHINI
SC - RIO DO SUL

Indique esta Notícia enviando o Link:
http://www.crbiodigital.com.br/portal?idNtc=3877323331


 retorna


 :: Pesquisa Noticias
contenha a palavra 

pesquisar
opções
avançada



Copyright 2007  -   contatocrbiodigital@crbiodigital.com.br  -   privacidade